"Então, falando ele estas coisas em sua defesa, Festo disse em alta voz:
Estás louco, Paulo! As muitas letras te levam à insanidade!"
(Atos dos Apóstolos 26.24)

terça-feira, setembro 16, 2008

Condição

Meio dia e trinta;
É cedo ainda.
Vou indo [saborear],
Sob chuva e sina,
[Antes de] competir
E recrear
A orgulhosa mediocridade moderna de produzir[,]
Uma saborosa massa fina.

3 comentários:

Anônimo disse...

Sei como se sente. Ah, se pudéssemos saborear a vida sem a contrariada adequação à pressão social moderna que torna a vida tão insípida! Uma simples massa fina, acompanhada por um vinho tinto suave, ou qualquer outro sabor se faz tão apetitoso, uma degustação prazerosa que tira o gosto amargoso das exigências injustas que nos subjugam.
Mormente saborosa é a sensação que não se restringe ao paladar. Sentir o toque, o carinho, a presença amiga... Afeto e amor incondicional tornam inclusive mais leve a sina. Sentir-se aceito, amado e valorizado não pelo que produz, não pelo que possui, mas unicamente pelo valor que está intrínseco ao ser humano, que transcende qualquer mérito pessoal.
Tornemos a vida alheia (e conseqüentemente a nossa) saborosa, não permitindo que o espírito competitivo, egoísta e individualista que move as grandes massas seja o princípio e o propulsor de nossas ações.

Carla

Marquinhos disse...

12:30? cedo?
isso é hora de acordar???
vai caçar um serviço!!!

abstrato de tomate disse...

seminario de estudos biblicos na uerj, talvez te interesse.

abcs

http://www.uerj.br/modulos/kernel/index.php?modulo=noticias&cod_noticia=2534